Palavras Não Ditas / Unsaid Words


Se ele estivesse aqui, ele estaria completando mais um ano de vida, celebraríamos com muita alegria este dia, mas como nada dura para sempre, ele já se foi, cumpriu seu papel. Agora essa data se torna, uma data para recordar os momentos bons ao lado dele que deixam saudade! Então em homenagem à ele, venho compartilhar com vocês, novamente, esse texto que fiz em homenagem a ele, que não era perfeito, mas era meu pai! Onde quer que esteja, eu não te esqueço nem sequer por um segundo, sua ausência se faz presente. Eu te amei e ainda o amo para sempre. Você não foi perfeito, mas foi meu imperfeito ideal e me deu amor incondicional! Então lhes apresento o poema PALAVRAS NÃO DITAS!

unsaid-words
Uma passagem de ida
Um lugar desconhecido
Sem tempo para despedida
Sua missão talvez tenha cumprido
 
Quando a hora chegou
Eu não estava pronto
Despreparado, me pegou…
 Para essa despedida e ponto.
 
Ponto final
Fim da história
Viagem astral
Definitiva retórica
 
Uma despedida sem despedidas
Sem últimas palavras
Palavras agora perdidas
Para um despedida definitiva
 
Então sem avisar
Saiu em direção a qualquer lugar
Sem malas ou qualquer bagagem
Era hora de sua última viagem
 
Subiu no avião
E alcançou as estrelas
Meu coração se apertou
Minh’alma chorou
 
Adeus! Não queria que terminasse assim
Meu Deus! Pendências ficaram sem fim
Que dor! Mas o culpado sou eu!
Seu amor, todo torto e tão meu!
 
Você sempre fora transparente
Mas eu não abri meu coração
 
Saudades…
Tenho todos os dias
Ao acordar
É difícil não lembrar…
Que aqui já não está
 
Queria voltar no tempo
Queria ter uma última conversa
Para poder dizer
O que nunca poderei falar
 
Espero que “ouça” esses versos
Onde meus sentimentos imersos
Possam te encontrar, 
Onde quer que você possa estar
 
Palavra não ditas
O erro que cometi
Se tornam palavras malditas,
Que por infantilidade, engoli
 
Palavras não ditas
Trazem arrependimentos
Dor
E Tristeza.
 
Sofro todo dia sozinho
Palavras não ditas
Só desejo encontrar o caminho
Palavras não ditas
 
Dor que não posso compartilhar
Palavras que agora estão escritas
Que perdem seu valor,
Sem você aqui para sentir o amor
 
Palavras não ditas…
Uma última conversa…
Três palavras…
Que nunca te disse…
Palavra não ditas:
Eu te amo!
 
PHELIPE DI AMARAL | FÊNIX VERDE © 2017

LEIA MAIS UM TEXTO EM HOMENAGEM A ELE: PARA ALGUÉM INSUBSTITUÍVEL

OBS: Texto originalmente escrito em 22 de setembro de 2009, nunca postado aqui no blog, achei que devia postar esse texto hoje.(07/05/2015 às 09:35) (Atualizado em 06/01/2016)


UMA NOVA FÊNIX ESTÁ CHEGANDO!
retorno.png
COM NOVOS POSTS E DE CARA NOVA!


unsaid-words
If he was here, he would be completing another year of life, we would celebrate with great joy this day, but since nothing lasts forever, he is gone, fulfilled his role. Now this date becomes a date to remember the good moments next to him, I miss him so much! Then in homage to him, I come to share with you, again, this text that I did in honor of him, which was not perfect, but it was my father! The best father to me. Wherever he is, I do not forget him even for a second, his absence is present. I have loved him and still love him forever. He was not perfect, but it was my imperfect perfect to me and gave me unconditional love! Then I present to you the poem UNSAID WORDS!
PS: The poem does not have rhymes because I wrote in Portuguese and only translated it into English, instead of adapting it, to maintain the essence of its meaning.

One way ticket
An unknown place
No time for farewell
Your mission may have fulfilled
 
When the time had come
I was not ready
Unprepared, got me …
For that farewell and end.End
Story end
Time to travel
Definitive rhetoricA farewell without farewells
No last words
Words now lost
For a final farewellThen without warning
You went anywhere
No suitcases or any luggage
It was time for your last trip
 
Boarded the plane
And reached the stars
My heart squeezed
My soul cried
 
Bye! I did not want it to end like this.
Oh my God! Pending things
What a pain! But I’m the one to blame!
Your love, all crooked and so my!
 
You were always transparent
But I did not open my heart.
 
Miss you…
I miss you every day
Upon waking
It’s hard not to remember …
That you’re not here
 
I wanted to go back in time.
I would like to have one last conversation
To be able to say
What I won’t be able to say anymore
 
I hope you “hear” these verses
Where my feelings immersed
May they find you,
Wherever you may beUnsaid word
The mistake I made
They become damn words,
That for childishness, I swallowed
 
Unsaid words
They bring regrets
Ache
And Sadness.
 
I suffer every day alone
Unsaid words
I just want to find my way.
Unsaid wordsPain I can not share
Words that are now written
And for that, they lose their value,
Without you here to feel the love
 
Unsaid words …
One last talk …
Three words…
That I never told you …
Unsaid word:
I love you!

PHELIPE DI AMARAL | GREEN PHOENIX © 2017

 If you have time for another post, check it out these: GospelCRISTAL & Treat You Better !
A NEW PHOENIX IS COMING!
returns
New posts and new ideias are COMING!

 

Advertisements

15 thoughts on “Palavras Não Ditas / Unsaid Words

  1. Perfeito Di Amaral. Muito bonito o poema; pena que ele se foi. Mas ele deixou esse cara sensacional que é você hoje; super talentoso e cheio de dons. Eu não costumo vir muito escrever no meu blog, mas sempre que venho dou uma olhada sucinta no Fênix Verde que tem postagens suas. Não deixe de escrever nunca, você tem um dom especial pra isso. És sensível. Boa sorte em tudo o que faz e em sua jornada pela vida.

    Liked by 1 person

    1. Muito Obrigado, Jô! Fico feliz que tenha gostado, é tão especial ver um comentário assim nos textos que escrevemos com tanto carinho, eu escrevi com todo o meu coração cada palavra! Obrigado mais um vez!

      Liked by 1 person

  2. Poxa… Nem sei o que dizer amigo…Ficou tão bom, tão certo e tão sincero queminhas palavras, hoje tão inúteis, não descreveriam a grandeza do seu texto.Espero que você escreva muito, e tenha certezaque, embora eu não possa estar ao seu lado, euvou estar sempre aqui para te dar apoio, pra tedar forças pra enfrentar todos os momentos da sua vida.Abraços e beijos.

    Liked by 1 person

  3. Chips vc é incrível sabia??? Vc sabia neh!?!? Ja te disse isso antes …..Lindo esse poema, é o erro q muitos cometem de nã dizer o q sentem, as vezes isso fica guardado pra sempre, mas Chips ele sabia o filho q tinha ele sabia q era amado e te amava tbm, pode ter certeza.Mas uma vez repito a frase Todo mundo é capaz de dominar uma dor, exceto quem a sente.bjo0 Chips…. De verdde lindo poema *.*

    Like

  4. Ele está ouvindo essas palavras; Ele estava ao seu lado quando você as escreveu. Essa palavras tem valor sim… e elas foram ouvidas. Não tenha saudade dos momentos que não existiram… eu tenho certeza que ele sempre estará por perto, como sempre esteve, e nunca vai deixar de ouvir alguma coisa sua. Continue escrevendo Chips… você sabe que tem um leitor fiel. Saudades!Bem vindo! Beijos!

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s