Saúde! / Cheers!


English Version Available Here
sAÚDE CHEERS.jpg

Saúde!!!

Sentada sobre um mezanino no telhado,

em uma dessas noites indefinidas de primavera

uma garrafa de vodca e um copo de refrigerante  limão

A solidão é quase  palpável nesse momento

está em todo o ar em torno de mim.

A forma como a luz da cidade acende meu peito em chamas

aquece a mente e embriaga os olhos

Em cada dose, cada canto daquele telhado, posso te ver

foram tantas noites de amor ao ar livre nesse mezanino… perdemos as contas

Bêbados de amor

cada toque, beijos intermináveis …

os olhos mudando de cor a cada respiração,

Era mágica pura, nossa sintonia…

as luzes nas janelas distantes, os carros em alta velocidade na rodovia que corta o horizonte

os faróis tão brilhantes quanto nossa pele suada ao luar

Então paro e penso nas pessoas por trás dessa luz hoje

e a escuridão de cada uma delas..sem mais diversão

Fechamos as cortinas de nosso espetáculo radiante

Penso na escuridão que hoje impera  entre nós, no inicio éramos tão bons juntos,

Não sei o que deu em mim, me precipitei em um segundo de infantilidade te desprezei e depois acabei correndo feito louca atrás de você.

Já é tarde, você me excluiu da sua vida…orgulhoso.

E tudo que me restou foi um telhado de lembranças, desespero e uma garrafa de vodca

não importa o quão brilhantes as luzes pareçam

a solidão dentro de mim apaga cada esperança de ter seu sorriso de novo

Não encontro mais prazer nas luzes amarelas da meia noite

Ainda que eu te veja, mesmo que distante do meu telhado, não posso tocá-lo

e assim como as luzes da cidade na rodovia principal,

posso avista-las

e não ser iluminada por elas.

Então…
Saúde !!!!!

pamela
ass5sAÚDE-CHEERS1.jpg

Cheers!!!

Sitting on a mezzanine at the roof,

in one of those undefined spring nights

a bottle of vodka and a soda lime glass
Loneliness is almost palpable at the moment

It is in the air around me.

The way the light from the city lights my chest on fire

It warms the mind and intoxicates the eyes

In each dose, every corner of that roof, I can see you

There were so many nights of love outdoor at the mezzanine … lost counts

Drunk love

Every touch, endless kisses …

Eyes changing color with each breath,

It was pure magic, our sync …

the lights in the distant windows, cars speeding down the highway that cuts the horizon
the lights as bright as our sweaty skin in the moonlight

So I stop and think about the people behind this light today
and the darkness of each of them… no more fun

We closed the curtains of our radiant spectacle

I think in the darkness that prevails today among us, at the beginning we were so good together,

I do not know what got into me, I rushed, in a second of childishness, and I despised you and then I was running like crazy behind you.

It’s late, you deleted me from your life … proud.

And all that remain to me was a full roof of memories, despair and a bottle of vodka.

No matter how bright the lights appear
loneliness inside me erases every hope of having your new smile

I can’t find pleasure in yellow midnight lights anymore

If I see you, even if far from my roof, I cannot touch you

and as the city lights on the main highway,

I can see them,

but I can’t be illuminated by them.

So…
Cheers !!!!!

pamelaass515/11/2016 às 10:00

Advertisements

2 thoughts on “Saúde! / Cheers!

    1. Jair Vargas, obrigada por compartilhar conosco seu sentimento sobre o texto. A opinião de quem lê é tão importa te para nós quanto criar cada história!

      Liked by 1 person

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s