Mais uma noite / One more night


ENGLISH VERSION AVAILABLE HERE (OR BELOW)texto

Mais uma noite chega, mais uma noite em que meu coração morre mais um pouco, estou congelando aos poucos, quero gritar por ajuda, mas eu estou preso nas palavras que falaram para mim, então sofro em silêncio para não incomodar ninguém. Passei mais uma noite sozinho, os dias solitários estão cada vez mais frequentes e eu estou perdendo o meu brilho, estou perdendo o que há de bom dentro de mim, estou afastando quem eu amo, inconscientemente, porque meu coração ficou preso na escuridão e aos poucos isso está esfriando cada emoção dentro de mim. Estou perdendo o juízo, estou em ruínas, totalmente destruído, não sei se consigo me recuperar disso.

Mais uma noite chega e as lágrimas voltam a cair de meus olhos, quem me vê sorrindo e brincando, dando a melhor parte de mim, não imagina que em algum momento do dia, meu coração apertado sempre derruba lágrimas que cortam profundamente meu coração. Mas por que existe tanta tristeza nesse coração? Essa resposta eu também não sei, porém ainda sim sofro em silêncio, afinal, eu não tenho o direito de sofrer assim, minha dor para muitos é exagerada, é um drama mexicano, queria eu dizer que fosse mesmo isso, mas essa dor me derruba e tira cada vez mais a esperança dentro de mim. Estou caminhando em direção a escuridão, estou abraçando a solidão, estou desistindo de minha razão, estou matando meu coração.

Mais uma noite chega e eu não sei encontrar o caminho de volta, me perdi daquele menino brilhante e bondoso, larguei da mão dele e não sei o que aconteceu com ele desde então. Eu sei que ele só queria amar, mas eu disse a ele que perdesse as esperanças sobre mim, pois ninguém nunca me amaria e por isso, se ele ficasse, me veria sofrer e me questionar o porquê. Então eu achei melhor largar da mão dele e eu tentaria encontrar o caminho sozinho, mas esse foi o meu fim, pois estou preso nesse inverno de minha alma, desistindo de caminhar, desistindo de sonhar, desistindo de sorrir.

Mais uma noite chega e eu estou aqui perdendo meu tempo sofrendo, magoando todos que quero por perto, simplesmente porque eu não consigo mais continuar. Estou sedado nessa dor e nada do que aconteça prova que eu estou errado, o que eu fiz de errado? Sou repulsivo? Talvez. Sou inconveniente? Talvez esteja me tornando. Estou me tornando um ser que não quer estar sozinho, mas merece estar. Talvez eu esteja mesmo roubando ou querendo destruir o natal de todos, me olho no espelho, sou um monstro verde, me tornei mesmo o próprio Grinch.

Mais uma noite chega e eu só quero poder sentir calor no meio dessa escuridão congelante, pois sem calor eu sei que será mais uma noite sem dormir.

phelipebottompost

via Sugestão diária: Measure

text.jpg

One more night comes when my heart dies a little more, I’m freezing little by little, I want to scream for help, but I’m stuck in the words that have spoken to me, so I suffer in silence not to disturb anyone. I spent another night alone, the lonely days are getting more frequent and I’m losing my spark, I’m losing the good inside of me, I’m turning away those I love, unconsciously, because my heart got trapped in the darkness and this is cooling every emotion inside me. I’m losing my mind, I’m in ruins, totally destroyed, I do not know if I can recover from it.

One more night comes and tears come back to drop from my eyes. Who see me smiling and joking, giving the best part of me, do not imagine that at some point of the day, my tight heart always drops tears that cut my heart deeply. But why is there such sadness in this heart? This answer I do not know, but I still suffer in silence, after all, I do not have the right to suffer like this, my pain for many is exaggerated, it is a Mexican drama, I wanted to say that it was really this, but this pain knocks me down and take off all my hopes more and more within me. I’m walking towards the darkness, I’m embracing the loneliness, I’m giving up my reason, I’m killing my heart.

One more night comes and I do not know how to find the way back, I got lost from that bright and kind boy, I left his hand and I do not know what happened to him since then. I know he just wanted to love, but I told him to lose all hope of me, because no one would ever love me and so, if he stayed, he would see me suffer and ask myself why. Then I thought it best to leave his hand and I would try to find the path alone, but that was my end, because I am trapped in this winter of my soul, giving up walking, giving up dreaming, giving up smiling.

One more night comes and I’m here wasting my time hurting, hurting everyone I want around, simply because I can not continue. I am sedated in this pain and nothing that happens proves that I am wrong, what have I done wrong? Am I repulsive? Perhaps. Am I inconvenient? Maybe it’s becoming me. I am becoming a being who does not want to be alone, but deserves to be. Maybe I’m really stealing or wanting to destroy everyone’s Christmas, I look in the mirror, I’m a green monster, I really became the Grinch.

One more night comes and I just want to be able to feel heat in this freezing darkness, because without heat I know it will be another sleepless night.

phelipebottompost214/04/2017 às 07:50

Anúncios

15 comentários em “Mais uma noite / One more night

Adicione o seu

  1. A noite nos encobre com o véu da melancolia, mas devemos concentrar todas esse energia e descarregá-la na vida, transforme a dor sempre em palavras , até que um dia toda melancolia será presságio da felicidade que chega ao nascer do sol!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Nossa, que bela contribuição sua aqui nos comentários. Sim, tudo o que disse é pura verdade. Temos que fazer isso mesmo. Muito obrigado por seu comentário Benicio, que sua semana seja muito boa, abraço!

      Curtir

  2. Antes de tudo, espero que o seu domingo de Páscoa esteja excelente.
    Amei tudo! Sabe no meu acreditar e sentir, quando sorrimos durante o dia não quer dizer que estamos fingindo a dor; a verdade é que não dá pra ser triste o dia todo não é? E também, porque não queremos que pessoas que gostam da gente sofram com a gente e se preocupem com o motivo de tanta tristeza, e, também, não queremos nos entregar a dor totalmente e chegar a um estágio de depressão (como sei o que é isso…)
    Phelipe quero citar algo que gostei muito também:”pois estou preso nesse inverno de minha alma, desistindo de caminhar, desistindo de sonhar, desistindo de sorrir.”
    Sabe, as vezes acho que meu coração é de estação, e a sua preferida e agora contínua é o inverno, sinto frio aqui dentro. As vezes me sinto neve, toda neve!…
    Ler isso, me inspirou sabe…rsrs

    Curtido por 1 pessoa

    1. Sim, muito obrigado, meu domingo está indo bem 🙂 e espero que o seu também! Feliz Páscoa pra você! E tenho que confessar que concordo com tudo o que disse, às vezes não estamos tristes o dia todo, às vezes existe uma montanha russa de sentimentos no dia, cada momento gera uma emoção diferente. E também é correto que mostramos, às vezes o nosso melhor lado, escondendo a tristeza pelos motivos que citou mesmo. E que bom que te inspirou, alguma parte do texto e é isso aí, vamos que vamos e que sejamos mais fortes que a tristeza. Muito obrigado por seu comentário Camila, agradeço de coração! Abraço e um bom final de domingo pra você!

      Curtido por 1 pessoa

      1. Obrigada, vai bem sim!
        Que isso, todo o seu texto foi-me de muita inspiração! Falando em tristeza, essa montanha russa de sentimentos às vezes me deixa tonta, rsrs. Realmente, o nosso melhor lado é a o que “somos”!
        Isso aí! Pode vir tristeza, mas quem domina aqui sou eu! rsrs

        Curtido por 1 pessoa

      2. Obrigada, vai bem sim!
        Que isso, todo o seu texto foi-me de muita inspiração! Falando em tristeza, essa montanha russa de sentimentos às vezes me deixa tonta, rsrs. Realmente, o nosso melhor lado é a o que “somos”!
        Isso aí! Pode vir tristeza, mas quem domina aqui sou eu! rsrs

        Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: