Vamos beber a que? / What are you going to drink for?


ENGLISH VERSION AVAILABLE HERE (OR BELOW)texto

Hoje decidimos, vamos ” encher a cara ” e eu sei que vai faltar bebida pra gente beber! Então, vamos beber à que?

Às mentiras que dizemos a nós mesmos, porque ninguém precisa fazer isso por nós, enganar a si mesmo é nossa maior especialidade; Às paixões não correspondidas, porque as vezes o tempo não sincroniza nossas prioridades; Aos cartões de crédito cancelados, porque achamos que essa é a nossa melhor escolha após acumular um rio de dividas; Aos policiais que nos multaram por estacionar em local proibido, quando  só precisavamos pagar aquela conta urgente ou o banco iria fechar. Porque as vezes é falta de sorte, às vezes correr o risco traz experiências ríspidas;

Às promessas não cumpridas sobre fazer dieta, nunca mais beber, fumar, não fazer sexo com seu ex, não se apegar; não se atrasar no trabalho, voltar para academia. Porque prometer é uma forma de procrastinar;

Ás noites difíceis e os dias entediantes porque as vezes pra existir basta comer, dormir e respirar; Ás porcarias que passam na tv, porque a gente ama se transportar para outro mundo que não seja o nosso;

Á sermos livres porque podemos fazer o que quisermos, fazer o que for da  vida,  corpo, dinheiro e até o ócio; Ao anseio por alguém e algumas coisas que nunca poderão ser suas ou mudadas. Porque alguém disse um dia que se algo pode dar errado dará;

Aos amigos verdadeiros que sempre estarão lá para nós e nós para eles. Porque amizades são pedras preciosas que a vida nos dá;  Áqueles que só se lembram de nós quando estão bebados, solitários ou com tesão enquanto levamos o coração pra cama com quem quer sexo. Porque simplesmente somos vulneráveis e carentes;

Aos parentes que te consideram da família somente quando tem algum interesse em algo que você tem ou querem que você faça. Porque família não se escolhe, mas, ainda assim os interesses e o carater são decadentes;

Aos trancos e barrancos de seu emprego, esporros do seu chefe e metas não alcançadas. Porque se a gente fosse rico, estava mesmo era viajando o mundo;

Aos amigos que te trocam por pessoas mais influentes socialmente, também aqueles que namoram ou casam, desaparecem e reaparecem quando estão solteiros. Porque precisamos deles para nos lembrar que quem gosta de você verdadeiramente, não deixa de se importar nem por um segundo;

Aos preconceituosos de todos os tipos, porque isso é tão nojento e triste que precisamos de uma dose pra esquecer;

Aos sentimentos, as lembranças e ao sentido, porque ninguém nos impede de sofrer o passado, lamentar o futuro e ser feliz no presente mesmo pondo a perder;

Essa noite eu vou sair, beber e dançar porque nunca mais teremos vinte e poucos anos, mesmo amando como se tivessemos quinze e se sentir como quando tinhamos dezessete e tudo que importava era ter vinte e poucos. Eu ainda amo como se meu coração fosse grande o suficiente para caber o desgaste em forma de lágrimas.

Temos muito a nos queixar, mas hoje eu só quero sentir a batida bem forte no meu peito, as luzes dançarem na pista, ficar alta até sentir alguma coisa real… Por isso, hoje..vamos beber a que?

pamelabottompost

text.jpg

Today we decided, “Let’s get drunk” and I know there won’t be a enough bottles of vodka to drink! So, what are we going to drink for?

We’ll drink to the lies that we tell ourselves, because no one has to do it for us, to deceive oneself is our greatest specialty; To unrequited passions, because sometimes time does not synchronize our priorities; We’ll drink to the credit cards canceled, because we think this is our best choice after accumulating a bunch of debt; To the cops who fined us for parking in a forbidden place, when we had to pay that urgent bill or when we needed get in the bank fast before it would close. Because sometimes it’s bad luck, sometimes taking the risk brings harsh experiences;

Let’s drink to the unfulfilled promises about diet, never drinking, smoking or not having sex with your ex; Or not get late at work, start to excercise more. Promising is a way to procrastinate;

We could drink to the difficult nights and boring days because sometimes there is enough to eat, sleep and breathe; Or we could drink to the crap that happens on TV, because we love to be transported to another world that is not ours;

Drink to the freedom feeling because we can do whatever we want, do whatever is life, body, money and even idleness; Drink to the yearning for someone and some things that can never be yours or changed. Because someone said one day that if something can go wrong it will go wrong;

Drink to the true friends who will always be there for us and us for them. Because friendships are precious stones that life gives us; Drink also to those who only remember us when they are drunk, lonely or horny while we carry our heart to bed with whoever wants sex. Because we are simply vulnerable and needy;

I can drink to the relatives who consider you as family only when they have an interest in something you have or when they want to ask you to do something. Because family is not chosen and some have decadent interests and bad character;

Let’s drink to the jobs that we face by leaps and bounds, to your boss’ rage and to the unreached goals. Because if we were our desires we would travel the world;

We could drink to the friends who exchange you for socially influential people, even to the those who love or marry and then disappea, only reappear when they are single. Because we need them to remind us that who truly likes us, always have us in mind and in their heart every second;

Drink to the prejudiced of all kinds, because this is so disgusting and sad that we need a dose of alcohol to forget;

To the feelings, memories and sense, because no one prevents us from suffering the past, regret the future and be happy in the present;

Tonight I’m going out, drinking and dancing because we’ll never be twenty again, even if we love as if we were fifteen and feeling like we had seventeen and all that mattered was be twenty-something years old. I still love as if my heart was big enough to fit the wear and tears.

We have a lot to complain about, but today I just want to feel the hard beat on my chest, see the lights dance on the track, stay high until I feel something real … So, today … Let’s drink to something, for what do you want to drink tonight?

pamelabottompost205/05/2017 às 09:00

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s