Disfarces / Disguises


ENGLISH VERSION AVAILABLE HERE (OR BELOW)texto

As pessoas vestem disfarces que não perduram por muito tempo, podem parecer amigáveis e sedutores, mas se há algo de podre dentro delas, o disfarce se desfalece e mostra o que realmente há por trás daquela mágica simpatia. Será segundas intenções? Será que são más intenções? Será que são medos de mostrar quem são? Mas e quando a magia dos primeiros momentos se desfaz rapidamente e você se percebe que está vendo a realidade, o que você faz? Reage, some ou foge o mais rápido que puder?

Disfarces nos surpreendem quando são desmoronados bem a nossa frente, quando a máscara cai e você vê o que é real na sua frente, nos surpreende, nos deixa perplexos, caminhamos entre mascarados disfarçados com boa vontade e interesse. Devemos tomar cuidado ao confiar no desconhecido, pois até aqueles que conhecemos vestem máscaras que recusamos em enxergar.

Para um mundo com menos disfarces, tire sua própria máscara e jogue com a verdade, chega de falsidade, chega de interesses serem mais importantes do que a pessoa em si. A mentira nunca levou a nada, apenas decepção e corações magoados, ser sincero pode não ser tão apreciado assim, porém ser sincero não vai iludir ninguém, vai ser a realidade como ela é. Então que as máscaras caiam e que os disfarces se acabem, está na hora de nos tornamos uma sociedade de verdade, não apenas de aparências.

phelipebottompost

text

People wear disguises that do not last for long, they may seem friendly and seductive, but if there is something rotten inside them, the disguise falls and shows what really lies behind that magical sympathy. Do that person have ulterior motive? Do they have bad intentions? Do they fear of showing who they are? But when the magic of the first moments fades away quickly and you realize that you are seeing reality, what do you do? Do you react, disappear or run away as fast as you can?

Disguises surprise us when they are destroyed right in front of us, when the mask falls and you see what is real in front of you, it surprises us, leaves us perplexed, we walk between masked disguised with goodwill and interest. We must be careful to trust the unknown, for even those we know wear masks that we refuse to see.

For a world with fewer disguises, take off your own mask and play with the truth, no more falsehood, no more important interests than the person itself. The lie has never led to anything, just disappointment and hurt hearts, being sincere may not be so appreciated, however being sincere will not deceive anyone, it will be the reality as it is. So that masks fall and disguises run out, it is time we become a society of truth, not just appearances.

phelipebottompost226/07/2017 às 11:00

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s